Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

No comboio


Adoro andar de transportes públicos. Especialmente na hora de ponta, quando vai cheio. Já tive experiências muito interessantes nessas situações. Tenho estatura média, e um corpo jeitoso. Especilmente as minhas pernas e uma bundinha levantada e redondinha. Adoro andar com vestidos curtos, ou mini saias. Tudo começou quando um dia vinha do trabalho, um pouco cansada, com um vestido justo e curto de ganga. Entrei no comboio e sentei-me. Cruzei a perna e comecei a relaxar. Entretanto chega um homem, já de cabelo grisalho que fixa o olhar nas minhas pernas e se senta exactamente ao meu lado. Nem liguei, mas no fundo soube bem, e esbocei um leve sorriso. A detereminada altura adormeci. Acordei com uma sensação espectacular. Antes de chegar a abrir os olhos, senti algo. Tentei perceber e...o homem que estava ao meu lado tinha posto dois dedos por baixo da minha perna cruzada e viajava em direcção ao centro. Não me mexi, estava a gostar muito. Fingi continuar a dormir. E os seus dedos passaram por baixo das minhas quequinhas, e já roçavam a minha ratinha. Eu estava toda humida de prazer. Sentia os dedos a entrar e sair, até que me vim. Abri os olhos. Olhei para ele. O homem tinha aberto um jornal, que metade estava sobre a minha perna e ocultava aquela deliciosa mão. Olhei à volta. Um homem de pé junto aos nossos bancos tinha o membro duro, levantava-lhe as calças a denunciar que tinha dado conta de tudo. O homem ao meu lado voltava com a sua mão molhada por mim. Achei que ele já tinha tido o suficiente. Levantei-me e ao passar quase encostei o meu rabo à sua cara. Senti um bafo quente entre as pernas. O homem que estava de pé roçou-se em mim quando passei. Cheguei a casa e o meu marido teve que me saltar logo em cima. Eu estava a ficar louca!
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 17:39
link do post | comentar | favorito

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds