Sábado, 29 de Março de 2008

COMEU-ME O RABO


O meu patrão é um homem bonzão nos seus 50 anos e cabelos grisalhos. Á muito que ele me deita uns olhares e me diz uns piropos quase ao ouvido que me deixam meia estonteada, mas sou a sua secretária e sempre respeitei o trabalho.
Mas ele foi andando sempre de mansinho.
E á 1 mês aconteceu o que tinha de acontecer
Fui ao arquivo "morto" da empresa procurar uma pasta arquivada já á uns anos, mas que agora queria consultar.
Avisei o patrão e a telefonista ficou a tomar conta também da minha secretária.
Desci á cave e comecei a busca.
Repentinamente senti umas mãos a tapar-me os olhos e levei um valente susto.
Depois de perguntar quem era em resposta levei um beijo no pescoço e uma lambidela da orelha que me arrepiou toda.
Virei-me e estava quase colada ao meu patrão, e ele nem deixou eu respirar já me beijava e me chupava a lingua doidamente.
Eu fiquei logo doida de tesão e correspondi-lhe totalmente. Que bom pensei.
Ele disse-me que me ia comer como nunca ninguém o fizera nem o "bobo" do meu marido.
Começou lambendo-me o pescoço, desceu até os mamilos e chupou demoradamente, e sempre descendo o umbigo onde esteve a brincar e depois senti aquela lingua no meu papinho a dar-lhe dentadinhas pois ele estava lisinho e totalmente depiladinho.
Gemia já como uma doida e fiquei mais doida ainda quando senti a lingua dele a me afastar as cuecas fio dental e a chupar o meu clitóris como uma máquina enquanto me enfiava um dedo no anus.
Gemi como louca e ele não abrandava o ritmo, sempre freneticamente quase desmaiava de prazer.
E o ritmo levou-me ao 1º orgasmo que nunca mais acabava e encheu-lhe a boca dos meus líquidos.
Estava sem força e meia zonza, mas ele não parou.
Imediatamente me virou de rabinho para ele e senti aquele enorme caralho que ele tem e que eu nem suspeitava, e enfiou-me no rabinho que estava todo muito molhado.
No inicio gemi que doía e ele abrandou mas foi forçando até que a dor desapareceu e deu lugar a uma enorme tesão.
Ele bombeava-me o rabinho e gritava, e os gritos dele davam-me mais tesão ainda.
Num estado frenético ele estava a me comer o rabinho e eu a adorar.
O prazer era totalmente diferente de todo o prazer sexual que eu já havia tido com o meu marido e dois casos que também tinha tido á uns tempos atrás.
O meu patrão estava louco de todo e agarrando-me nas mamas devagarinho disse-me: "ao tempo quero te comer este rabo de puta doida".
Fiquei realmente com mais tesão e comecei a sentir que me ia vir de novo e gritei-lhe que me ia vir, então ele estocou e bombeou como doido e eu entre os meus doidos orgasmos recebia no rabinho todo o leite dele que era uma torneira aberta, e que me estava a correr já pelas pernas abaixo.
Ele abraçou-me com força e gritava que o meu rabo era o melhor que alguma vez tinha comido.
Eu estava totalmente exausta, o que não lhe disse foi que ele foii o primeiro que me enrrabou e me tirou os três ao rabinho.
Fiquei viciada neste tipo de sexo, e agora não quero outra coisa. É tão bom sentir um caralho grosso a nos encher o rabinho. Uauuu.
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 00:46
link do post | comentar | favorito

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds