Sábado, 7 de Junho de 2008

Comida pelo amigo


Há uns anos que não via o Carlos.Devido á nossa profissão vivemos em duas cidades do norte de Portugal durante alguns anos e sempre fomos grandes amigos.Andavamos sempre juntos.Acabamos mais tarde por seguir rumos diferentes mas a amizade manteve-se, embora o passar do tempo e a distancia fizessem com que os contactos fossem
ficando mais raros, já que ele ficou a viver no Porto e eu e a minha mulher numa vila do interior norte.
Divorciou-se , mudou de emprego e foi por esta
ocasião que me ligou para nos encontrarmos para ver a possibilidade de o poder ajudar,já que a minha empresa gasta muitos dos produtos que ele agora vende.
Foi uma alegria o reencontro.Estivemos várias horas a falar e aceitei o convite para irmos(eu e a Rosa,minha mulher)passar o fim de semana seguinte a sua casa.Como a minha mulher também trabalha ao sábado,só depois do jantar saímos de casa.Esperava-nos junto á entrada.Estava mais magro mas mantinha aquele ar de deus grego,moreno,alto,bonito.A Rosa saiu do carro e ele,ternamente,ficou a mirá-la e a admirá-la antes de a abraçar e apertar contra si num abraço demorado.Sempre se deram bem os dois,falavam muito.Ela estava linda como sempre.Trazia um "mini"vestido preto que lhe realçava as pernas bem feitas e um decote acentuadíssimo que deixava ver um belo par de mamas.O cabelo louro comprido fazia um contraste arrebatador com a cor do vestido.Os lábios,bem carnudos,sobressaíam naquela carinha
de anjo.Até a altura(1,60)fazia lembrar uma garota,apesar de ser quase quarentona(38 anos).
Entramos para a sala,fomos pondo a conversa em dia,mesmo no que ao sexo dizia respeito,com o Carlos a confidenciar-nos que já estava há algum tempo "em jejum".De soslaio,reparei que a minha mulher engoliu em seco e sentia também que ela estava inquieta,sempre a cruzar e descruzar as pernas,mas pensei que fosse por uma questão de vergonha por estarmos a falar de sexo.
Começamos a beber e a comer uns aperitivos,o tempo sempre a passar.Estava calor,levantei-me e fui ao quarto onde tínhamos deixado a mala vestir uns calções.Regressei á sala e ele ao ver-me assim foi fazer o mesmo e eu disse á minha mulher para ir vestir o pijama
de cetim que tinha trazido.Fiquei eu e o Carlos na sala,até que ela aparece e ficamos os dois de boca aberta a olhá-la;uma camisa preta,curta e transparente, com uma abertura sobre a coxa esquerda quase até á virilha,cobria-lhe(?) o corpo.Tinha tirado o soutien e viam-se as suas
belas mamas por inteiro debaixo do frágil tecido.Espantado, fui á casa de banho e dei comigo a pensar e tentar entender porque fez ela aquilo...será que...
-Este é o meu quarto.Era a voz dele a mostra-lhe o que faltava ver da casa.Fui ter com eles.O televisor do quarto estava ligado e a luz "apagada".Sempre falando para ela,Carlos sentou-se na beira da cama.Ela deu a volta e sentou-se do outro lado,a cara corada.Nesse momento percebi claramente que ela queria foder com ele fosse como fosse.Fiquei com medo mas, simultaneamente,um tesão muito grande começou a apoderar-se de mim ao vê-los assim quase perdidos de vontade de se comerem mas sem saberem como dar o passo final. Enquanto falavam e se comiam com os olhos,digo-lhe um
"-Chega-te para lá", o que ela fez de imediato.
As suas pernas ficaram a roçar as de Carlos numa situação já incontrolável...e eu dei o último passo...viro-a de lado e de costas para
mim(de frente para ele)dou-lhe um beijo na nuca e,ao fazer este movimento,empurrei-a levemente
na direcção dele.Mal lhe tocou o corpo, ela não resistiu e atirou-se(isso mesmo,atirou-se) a ele
louca de desejo.Carlos olhou-me receoso,disse-lhe que sim com a cabeça e ele deitou-a por debaixo dele,afastei-me e fiquei a observá-los.Ela gemia agarrada a ele,enquanto ele lhe tirava,
sôfregamente a camisa e a cueca e fazia o mesmo aos calções que trazia,ficando nús.Ela abriu as pernas,queria-o desesperadamente dentro dela,
isso saltava á vista,mas ele aguentou sem fazer logo o que ela queria e meteu-lhe a piça no meio das mamas apertando-as contra ela.O tesão era tanto que ela só o puxava para baixo e ele, não resistindo mais,fez-lhe a vontade e enterrou-lhe a piça(bem maior que a minha)bem lá no fundo fazendo-a gemer e gritar até se vir.Ele ficou ainda a comê-la com fortes estocadas até se vir também,urrando de prazer e eu numa confusão total quase nem acreditando que a minha mulher tivera a coragem de foder com o meu grande amigo na minha frente. Continuaram pela noite fora,fodendo com vontade nas mais variadas posições,mais tarde entrei também na"festa",mas o melhor foi mesmo as sensações sentidas pelo impensável,repentino
mas luxurioso "encornanço" da minha mulher.
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 15:29
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds