Domingo, 8 de Junho de 2008

Como perdi a namorada


Namorava com a Sandra há cerca de 2 meses, tudo parecia correr bem, entendiamo-nos bem, e apenas com dois meses de namoro já tinhamos uma vida sexual satisfatoria, eu na altura tinha 20 e a Sandra 22. Não se pode dizer que a Sandra fosse uma rapariga de fazer perder a cabeça a qualquer homem, mas aquele olhar azul, juntamente com o cabelo escuro e umas mamas bem espetadinhas não deixavam ninguem indiferente.
Certa noite num chat fui abordado por um rapaz, de Lisboa,Bruno, que me desafiou a trocar uma foto da namorada, acabei por aceitar, mandei uma foto da Sandra e ele mandou da namorada dele. Ao ver a foto da Sandra sugeriu-me que a convidasse para sexo a 3, a ideia agradou-me imenso mas não sabia como a sandra ia reagir, após muitas noites de conversa com esse rapaz e depois de ele ter ganho a minha confiança ficou decidido que eu lhe daria o contacto da sandra, e ele tentaria auma abordagem a ela, sem nunca mencionar que eu estava envolvido até ganhar confiança para lhe propor uma noite de sexo a 3, ela, ele, e o namorado dela (eu). Assim foi, e todas as noites falava com o Bruno que me ia pondo ao corrente da aproximação á sandra. As semanas foram passando e deixei de receber noticias desse rapaz, continuava com a sandra mas tudo parecia bem. Certo fim de semana a sandra disse-me que tinha de ir a lisboa, não estranhei pois ela tinha lá familia e essas deslocações eram regulares, e eu nem sempre podia ir com ela.
Num desses fins de semana recebo um telefonema da sandra, ao atender o telefone oiço gemidos, reconheci de imediato o gemido dela e consegui notar as vozes de mais uns dois rapazes, fiquei sem reacção, não consegui desligar o telemovel, segundos depois oiço a voz da sandra a dizer: Esta tudo acabado entre nós, mas muito obrigado por isto que esta a acontecer!
Moral da historia, era para ter sido eu e o Bruno a foder a sandra, mas quem a fodeu foi o Bruno e o irmão o Renato. Soube que a Sandra passou a ir para lisboa todos os fins de semana e folgas para aqueles encontros loucos com o Bruno e o Renato. Vi a Sandra á uns meses atrás já com um filho, não sei se o filho era do Bruno ou do Renato mas ela continuava com um corpo fantastico que eu observei á distancia enquanto ela apanhava o expresso para Lisboa.
Felizmente conheci a filipa logo e seguida mas o contacto dela ficou no segredo dos deuses.
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 16:34
link do post | comentar | favorito

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds