Sexta-feira, 29 de Agosto de 2008

Boas Mamadas


Uma bela noite, após tantas outras de indecisão, eis que ganhei coragem e após várias passagens na estrada da caparica para a fonte da telha, paro o carro junto ao arvoredo..
era inicio da tarde...

tinha receio de ser visto por alguem, afinal passam por ali carros..
esperei primeiro ganhar a coragem final, abri o jornal e pus-me a ler dentro do carro...
apos várias passagens de carros, saio....
dirijo-me para o meio da mata, de modo a que seja invisivel a partir da estrada, mas a controlar o movimento e o meu carro...

Passados uns momentos, para um carro um pouco atrás..

ele ja tinha dado uma ou duas voltas na estrada a ver se percebia quem era...

parou, saiu do carro e arriscou ir até à mata....

vai subindo a encosta...
até que chega quase perto de mim, sem me ver...
aparentava uns cinquentas e tal, sessentas..magrinho, cabelo branco...

deixei-me ver...

ele sorri e aproxima-se de mim, muito excitado...
e eu também...
um misto de receio e uma tesao enorme...!

cumprimentamo-nos, eu desaperto um pouco as calças..
começo a mexer-lhe nas calcas, a procura do pau dele..
ele faz o mesmo...
tiro o meu pau para fora, e ele nao se faz de rogado..
começa logo a mama-lo....
uma longa mamada de joelhos..
que bom...
bem salivado...
que tesao eu tinha agora...
ate que me pede que o enrabe....
eu estava cheio de tesao...
ele saca uma camisa, poe-na no meu pau com os labios...
encosta-se de quatro a uma arvore, e começo a procura do olhinho dele...
que tesao...
olho em redor, ninguem..
começo num vai e vem...
os dois ja cheios de tesao..
e eis que me preparo para vir..
cheio de tesao, tiro-o do cu dele, puxo-lhe a cabeça e enfio-lhe o pau na boca sem camisa...
ele delirava de tesao, ia batendo punhetas a ele proprio, e eu quando lá chegava, também ajudava....

venho-me abundantemente na boca dele...
ele delira..
aproveita tudinho...
e vem-se tambem....
ele aproveita as ultimas golfadas de esporra e engole tudo....
limpa bem tudinho...
e despedimo-nos, apos trocar numeros de telemovel para repetir num sitio mais discreto....

saio de la, e fumo um cigarro...
depois apetece-me mais....
agarro no telemovel, ligo a um contacto que fiz na net, e combinamos.....
numa zona deserta da aroeira, ao inicio da noite...

fui tomar um duche, e fazer tempo...
passado um pouco esta na hora..
faço-me a estrada....
chegado la, ao ponto de encontro, sigo o carro dele...
paramos numa zona bem deserta, uma rua sem saida, sem casas por perto...

saio do carro...
dirijo-me a meio caminho...
ele faz o mesmo...
e cumprimentamo-nos...
entramos no carro dele...banco de tras...
comecamos nos beijos, nas maos atrevidas...
ate que ambos temos os paus de fora...
comeco a mamar-lhe no pau freneticamente....

ambos cheios de tesao....
pomo-nos a jeito...
um bom 69...

ate que nos vimos ambos...
que tesao...
sentamo-nos, fumamos um cigarro de fazer rir, e a tesao voltou..
desta vez ele senta-se em cima de mim, no banco de tras, e aponta a minha cabecinha para o olhinho dele a pedir pau....
devagarinho...
comecamos a foder...
eu tinha uma tesao de rebentar...
ele o mesmo...
bato-lhe uma...
de vez em quando ele levanta-se fugazmente e poe o seu pau na minha boca....
e volta a sentar-te...
andamos nisto um bom tempo..
ate que me vou vir....
e ele pediu para me vir no cu dele...sem camisa...
nunca o tinha feito, e tinha receios, mas ele e casado como eu, muito discreto, com poucas experiencias, e ambos procuramos higiene e poucos riscos...
digo-lhe que ainda nao estava preparado para isso, mas ele tira o preservativo do meu pau, começa-lhe a mamar e, num repente, quando ve que estou para me vir, senta-se no meu pau e faz-me vir todo para dentro do cu dele...
que tesao...
a esporra a escorrer-lhe pelas pernas....

ele tambem se vem...
fumamos outro cigarro de fazer rir...
ganho coragem e deixo-o encostar a sua cabecinha no meu olhinho...
ele em vez de por a cabecinha comeca a lamber..
ui...
a tesao foi demais....
depois de muito lamber o meu olho, encostou a cabecinha...
e bateu-me uma boa punheta....
ate que foi tentando por la dentro aos poucos...
nao conseguia, doia-me muito...
ate que ele ganhou coragem, agarrou-me bem nas ancas, e espetou-o quase todo de uma so vez...
que dor...
so me apetecia sair dali...
ele agarrou-me, como que a violar o meu rabo....
ate que o espetou todo, cuspiu para ajudar na lubrificacao, e comeca num vai e vem.....
a dor depressa se comecou a ir, o prazer a aparecer..
que tesao..
vimo-nos os dois....
fumamos outro cigarro, e vamo-nos embora...
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 17:43
link do post | comentar | favorito

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds