Terça-feira, 22 de Julho de 2008

Encontro no Metro


Numa sexta-feira à tarde saio do escritorio de onde trabalho como todos os dias, pensei que estava a preparar-me para um fim de semana normal como todos os outros. Na realidade todos os dias practicamente a mesma hora apanhava o metro e dirigia-me até casa.Contudo naquela sexta feira entrou na carruagem e sentou-se diante de mim uma mulher, dos seus 30 e poucos anos ,magra ,atraente e com um sorriso cativante e que desde logo despertou a minha atenção. passei grande parte da viagem a olhar fixamente para ela e reparei que ela fazia o mesmo.

Entramos num jogo de sedução mutuo o que confesso estava a deixar-me excitado ,quando estavamos a chegar a uma estação a J. como lhe vou chamar levantou-se ,preparava-se para sair fiquei desiludido mas naquele instante um impulso fez-me sair atras daquela mulher ,de seguida interpelei-a , ela começou por ficar assustada ,mas mostrou-me aquele sorriso logo depois, perguntei-lhe se ela queria um café ao que ela me respondeu que desejava muito mais que isso .... Em seguida saimos para a rua e procuramos um canto refundido onde ninguém nos visse finalmente encontramos,começei por abraçar a J. e beijá-la suavemente ,os seus labios eram muito macios....

Segredou-me ao ouvido que adorava ser chupada, sem tempo a perder levantei-lhe a saia,baixei-me e reparei que ja estava humida por certo estava num estado de excitação como o meu, tinha os lábios vaginais carnudos, pús-lhe a ponta da minha lingua no clitoris ao que ela contorçeu-se de prazer sem perder tempo ofereci-lhe um belo minete, lambia a ratinha da J. com gosto e dedicação, a j. começava a gemer de prazer, a sua vagina tinha os lábios com sabor a mel , estava cada vez mais empapada e eu lambia aquel mel vaginal ,ela atingiu o climax ,a minha lingua tinha-lhe proporcionado um orgasmo de primeira, de seguida a J. presentiu o meu caralho cada vez mais duro , estava em ponto de rebuçado tirou-mo para fora e começou-me a mamar, aqueles lábios maçios ofereciam-me agora um broche de primeira sentia-me cada vez mais excitado ,a J. disse-me que tinha de vir fora, assim o fiz qd estava no auge tirei para fora e descarreguei ali mesmo num canto, pouco depois despedimos-nos com um beijo intenso, até hoje quando entro no metro procuro a J. será que voltarei a encontrá-la .......
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 16:09
link do post | comentar | favorito

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds