Quarta-feira, 18 de Junho de 2008

Homens? Simples Presas !!!!


Naquela manha acordei com uma excitação fora do comum... sentia um fervor no meu sangue e um calor no corpo invulgar... precisava de sexo, de um homem, de fazer amor... Levantei-me languidamente, tomei um banho e até a própria água a tocar no meu corpo me fazia tremer... limpei-me, pus um creme perfumado, maquilhei-me e optei por vestir um vestido branco da Ana Salazar, super decotado e abotoado à frente de cima a Baixo. Calcei sapatos de salto peguei na mala e sai. Tinha de ter um homem... e parti à caça... ia ser uma caçadora...
Entrei no centro comercial e sentia o olhar guloso dos homens em mim ao mesmo tempo que o meu sexo latejava de desejo... Nesse momento ao passar pelo talho vi o olhar de um homem super viril, musculado e com uns olhos lindos de morrer...
Senti que ele saia do balcão dizendo ao colega que já vinha e segui em frente. Entrei no primeiro café que vi e sentei-me ao balcão cruzando as pernas... Pedi um café... ele entrou sentou-se ao meu lado e perguntou-me com uma voz super sensual " onde é que tens andado que nunca te tinha visto?", respondi "à tua procura"... Perguntou-me se eu queria ír conhcer o sítio onde se vestiam, na cave... acedi claro... Enquanto desciamos as escadas ele beijava-me, palapava-me e eu sentia-me toda molhada de desejo e daquilo que eu sentia nas calças dele... Abriu a porta e sem mais encostou-me à mesa que lá estava, puxou-me as cuecas para o lado e introduziu a língua dele em mim, enquanto dizia baixinho em como era saboroso o meu leite... eu gemia de gozo da antevisão do que estava para acontecer... Subiu e abriu a braguilha e então eu vi um caralho tão potente e grosso que me deixou extasiada... baixei-me e começei a chupá-lo fazendo-o deitar uns gritinhos deliciosos de gozo. A minha língua trabalhava aquela cabeça enorme que se ia molhando aos poucos enquanto eu o engolia num movimento de vaivém compassado... levantei-me coloquei a perna em cima da mesa e ele poude ver assim o espectáculo que eu tinha para ele... meteu-mo com força na cona que sequiosa parecia engoli-lo todo... esporrei-me ao mesmo tempo que ele, para ele me surpreender em seguida com um delicioso minete que me deixou ainda mais entessada e vim-me novamente na boca dele...
Vestimo-nos, saímos e enaquanto subíamos as escadas olhámos um para o outro com um olhar cúmplice. Separámo-nos cada um para o seu lado, com a sensação de satisfação espelhadas no rosto.
Caçadores os homens? Não amigos! Simples presas nas mãos das mulheres...
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 15:06
link do post | comentar | favorito

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds