Quarta-feira, 2 de Julho de 2008

Minha Sogra Quarentona


Há dias cheguei a casa da minha sogra antes da minha mulher. Supostamente teria que a ir buscar à estação de caminhos de ferro mas, à última hora não foi preciso.
Quando lá cheguei, toquei à campaínha e fiquei a aguardar que me viessem abrir a porta. De repente veio à janela a minha sogra e, quando vi que era eu, disse-me logo que ainda bem que era eu que a estava a acordar.
A minha sogra tem 43 anos, muito bem conservada, muito bonita e com um corpo fenomenal; pena ela andar cheia de fome e de vez em quando mandar uns olhinhos e fazer umas caras engraçadas.
Quando ela me abriu a porta, vinha com um vestido de dormir completamente rendado, e dava para ver as suas mamas ainda perfeitas e tesas; quando se virou eu vi que tinha uma cueca de fio dental que mostrava com muita evidência aquele rabo fantástico e rechonchudo, tipo bolinha de queijo. Perguntei-lhe na brincadeira se nao tinha frio; ela perguntou-me pela filha ao que respondi que só chagava daqui a mais de uma hora; ela disse-me logo: "então não te preocupes com o meu frio que tens mais que tempo para me aquecer!"
Fiquei parvo cvom o que ela disse e segui-a sem uma única palavra para o quarto dela. Mal entramos e ela fechou a porta, tirei-lhe o vestido e comecei a chupar-lhe as mamas com sofreguidão e ela gemia como sei lá o quê... de repente atira-se ao chão de joelhos, abre-me as calças e agarra com toda a força no meu pau e começa a chupa-lo com toda a sua garra e de uma forma fascinante; parecia que já me tinha chupado vezes sem fim, que já sabia aquilo que eu adorava; vim-me na boca dela, deixei-a cheia de leite e ela engoliu tudo satisfeita.
Logo de seguida deitou-se na cama, puxou-me a boca para a sua coninha, toda depilada e obrigou-me a chupa-la sem compaixão; chupei até que o meu pau já nao aguentava de estar fora daquela ilhinha paradisíaca e penetrei-a com toda a minha força; como tenho um caralho muito grande e grosso ela gemeu um misto de dor e prazer e disse-me que nunca um pau assim a tinha comido!
Ainda eu nao tinha aquecido na coninha dela e já o meu pau estava dentro de um cu lindo e estreitinho! Vim-me naquelas bordas magníficas e ela gemia de pleno prazer...
Assim foi o meu fim de tarde com a minha sogra... de seguida fomos tomar banho juntos onde ela ainda me fez outro broche fantástico. Combinamos passar uma tarde juntos num motel qualquer... fico a aguardar cheio de tesão... a minha sogra é fera! :)
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 15:49
link do post | comentar | favorito

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds