Terça-feira, 27 de Maio de 2008

Viagem a Amestardão


Havia bastante tempo que eu e a minha namorada falavamos acerca de algo mais "quente" na nossa relação...como um terceiro elemento, eibicionismo...
Estavamos em Novembro e estava no auge as viagens low cost das companhias de aviação.
É assim que a minha namorada decide ir passar o fim de semana a amesterdão.
Como eu tenho medo de andar de avião ela decide ir junta com um casal amigo, e em abono da verdade bastante dado a "diabruras".
Uma semana antes de ela partir chateamo-nos e como tal rompemos a comunicação.
Chega sexta feira e lá partem eles para amesterdão...
Regressam no domingo...e eu sem fazer a minima de como as coisas correram.
Até que terça feira ela me liga e me pergunta se não tinha interesse em saber como tinha corrido a viagem?!Notei logo que havia qualquer coisa estranha na mensagem...
Até que ela me diz que tem algo para contar acerca da viagem a amesterdão!
Fiquei louco de curiosidade, decidindo encontrar-me com ela na quarta feira á noite, com uma unica certeza ela tinha algo "quente" para me contar...segundo palavras suas.
Quando nos encontramos num café do centro do Porto, logo ela estava com um ar de menina mal comportada com vergonha do comportamento.
é então que num misto de vergonha e ousadia e depois de dois dedos de conversa ela passa a relatar o que me levava aquele cafe:
"Miguel lembras-te de falarmos varias vezes acerca de fazermos algo quente...pois eu nesta viagem fiz!
Mas tens que me prometer que não ficas chateado comigo.
Vou-te contar no dia a seguir a termos chegado a amesterdão decidimos ir sair á noite...como o Zé e a Maria são muito perversos, decidimos que tanto eu como ela iriamos sair muito provocantes e metermo-nos com muita gente já que ninguem nos conhecia.
Fomos então as duas de mini saia, sem cuequinhas e de top sem soutien e claro de gabardine pois estava um frio de morrer.
Depois de jantarmos num restaurante de comida italiana e já acesas pelo vinho, decidimos percorrer os famosos bares de amesterdão...
onde nos mete-mos com varios homens sem que nada de extraordinario tenha acontecido, a não ser aqueles mais atrevidos que se agarravam a nos de forma menos propria e nos conseguiam sentir as formas do peito (que se diga são bastante volumosas nos dois casos)...
Depois de passarmos a noite toda neste jogo de sedução, chegamos ao hotel cheios de tesão...mas com um problema, a Maria tinha o Zé para se entreter e eu não tinha ninguem.
Como tinha confiança com eles, ao sair do taxi barafustei com essa situação, visto que eles tavam fartos de se "comer".
Ao que eles responderam de forma natural que fosse até ao quarto deles.
Lá fomos nos para o quarto e enquanto conversavamos, eles não se paravam de comer, facto que me levou a querer retirar-me...
Foi ai que eles me disseram para me juntar a eles...o que criou em mim um grande calafrio, não só pela situação em si, mas também pelo facto de ele ser um pouco gordo e não ser muito o meu genero.
Mas num misto de raiva por estar chateada, de excitação e de alcool a mais decidi alinhar.
Sentamo-nos cada uma de um lado do sofá a beijar o zé alternadamente, ao mesmo tempo que ele nos acariciava e chupava os peitos...
Não demorou muito á namorada dele lhe fazer um broche, enquanto eu empinei a minha ratinha em cima do sofá para ele me lamber...
Estivemos assim uns bons minutos, até que a maria lhe disse para me penetrar...fomos para a cama e logo ele me penetrou com um ar perverso, enquanto mandou a namorada me beijar as mamas...nunca tinha estado em contacto com outra mulher, o que fez com que de inicio não quisesse...mas rapidamente me deixei levar pelas suas caricias, chegando mesmo nós a trocar quentes linguados.
Foi a vez de trocarmos e foi ai que também pus os meus desejos a funcionar...pois enquanto eles se fodiam, eu penetrava o rabo do Zé com dois dedos, o que me estava a por louca...
Decidimos trocar outra vez, mas a ecitação estava-me a levar a loucura...então pedi á maria para me enfiar dois dedos no rabo, ao zé para me acariciar os peitos, o que ele fez juntamente com a namorada e masturbei-me...foi ai que me vim...duma forma jamais sentida, quase em simultaneo com o Zé que se veio sobre a minha barriga.
Fui me lavar e sentei-me no sofá a fumar um cigarro, enquanto eles retemperavam forças, pois Maria ainda não se tinha vindo...
Nessa noite ainda me voltei a masturbar, mas desta vez sozinha."
Depois de me contar isto eu fiquei em estado de choque chateado pelo comportamento, mas ao mesmo tempo excitado...so sei que nessa noite dormimos fora e tivemos alta noite.
publicado por Contos dos Leitores da Atrevida às 17:08
link do post | comentar | favorito

.CONTOS

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Posts recentes

. A caminho do Hotel

. De regresso a casa

. A Rainha da noite...

. Passagem de Ano a 3

. Leitura em dia

. Uma Estranha no café..

. ...

. Fodi a amiga da minha mul...

. Eu e o Pastor Alemao

. Broche no Trabalho

. Paragem inesquecivel

. Os gemidos do quarto ao L...

. Paragem inesquecivel

. Primos da minha Mulher

. O meu homem a dias

. Ferias nos Açores

. Desejos GAY

. Como eu já tinha contado ...

. O desafio

. EU Mais minha Mulher e Ou...

. Conto erotico de Natal

. Conto erotico de Natal

. O sonho

. A Frincha da Porta eu Ent...

. Amiga Carente

. Uma Mulher ...

. Divinal...com imenso praz...

. Sessao GAY

. Bom Menage

. No Bar onde Trabalhei

.Arquivos

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds